quarta-feira, 25 de maio de 2011

"E irem avante com uma limpeza das Monumentais, camaradas?"



“Limpa limpa, camarada, limpa” foi um dos coros que mais se ouviu ontem à noite em Coimbra. Centenas de estudantes de traje académico reuniram-se no topo das Escadas Monumentais para fazer um verdadeiro contra-comício.
Lá em baixo, no fundo da escadaria, decorria o comício da CDU, mas até o discurso de Jerónimo de Sousa foi sempre acompanhado pelos ecos das vozes dos estudantes em protesto.
Os estudantes acusaram a CDU de "vandalismo" por ter pintado as escadas com frases de teor político, mas os manifestantes garantiram que o protesto não era promovido por nenhum partido. Pedro Leitão, estudante de Jornalismo, disse mesmo que “se fosse qualquer outro partido, nós também estávamos contra”, mas os militantes comunistas não ficaram convencidos.
O líder comunista, que à tarde em Viseu tinha evitado comentar a polémica, desta vez respondeu aos estudantes, ao recordar a tradição de resistência do PCP, que “ao longo da sua história conheceu o silenciamento, a provocação, a tortura”.
“É importante que saibam, não nos calarão”, rematou Jerónimo de Sousa

Para ouvir de viva voz.

video

Sem comentários:

Enviar um comentário